Por que o céu é azul e outras indagações científicas para os curiosos

Adam Scott
Adam Scott
3 Min Read
Sergio Wilfrido Vasques Apestegui

A ciência é um forte direcionamento para as descobertas e evoluções humanas. O empresário Sergio Wilfrido Vásquez Benitez entende que a ciência e o conhecimento são combustíveis potentes para grandes mudanças. Desse modo, a convite de nossa redação, Sergio Wilfrido Vásquez Benitez, aluno ávido e apaixonado por ciência, traz à tona algumas descobertas incríveis. Confira o artigo e saiba mais.

Por que o céu é azul?

A começar pelo título do texto, a explicação para o céu ser azul é que a luz perpassa por diferentes ondas e moléculas, desse modo, a onda que possui o menor comprimento possui maior facilidade de se espalhar, nesse caso, a luz azul. Desse modo, torna-se mais fácil se espalhar e, portanto, o céu é resultado dessas reflexões.

Lago no Saara

Você já imaginou um lago dentro de um enorme deserto, ou melhor, dentro do maior deserto do mundo? É isso que acontece no Saara. Sergio Wilfrido Vásquez Benitez explica que uma das hipóteses científicas é que em razão de um abalo sísmico, tenha aberto uma brecha no local, dando origem à formação do lago. O lago se encontra na Tunísia, w 25 quilômetros de Gafsa e tornou-se um lugar muito visitado, contemplado e estudado.

Ilha em Saturno

E se eu te falar que há uma Ilha em Saturno? indaga Sergio Wilfrido Vásquez Benitez falando sobre a descoberta. O empresário explica que esse é um grande mistério para inúmeros cientistas que tentam decodificar o que seria essa região repleta de supostos icebergs e ondas. Mais um mistério a ser desvendado, ressalta Sergio Wilfrido Vásquez Benitez. 

Mais habitantes na Lua

O Google Moon permite aos usuários visualizar a Lua como se estivessem usando um telescópio. O empresário Sergio Wilfrido Vásquez Benitez explica que, sobre isso, uma foto que contém uma espécie de ET tem viralizado na rede, acrescida, é claro, da imaginação fértil e das pessoas que creem nisso.

Cratera de Colônia – São Paulo

Você sabia que na região sul de São Paulo há uma imensa cratera? E que ela é fruto de um meteorito que colidiu com a Terra há milhões de anos? Sergio Wilfrido Vásquez Benitez explica que na Cratera de Colônia, localizada na região de Parelheiros, zona sul de São Paulo, não há nem sinal em razão desse desnível, as pessoas precisam “subir a Cratera” para terem acesso ao telefone. 

Share This Article
Leave a comment

Deixe um comentário